curso auto eletrico





 

        Curso de eletricidade automotiva
    Forum destinado a reparos automotivos, parte elétrica e mecânica
Artigo: Cuidados na oficina automotiva

 

 


  << Mensagem AnteriorVoltar ao Índice  

Daihatsu Cuore - problemas com a injeção

January 8 2007 at 6:16 PM
Marcelo zazulak  (no login)

 
Olá pessoal,

alguém já mexeu no sistema de injeção desses carros? O meu tem um problema, que já estou começando a acreditar que é fruto de alguma burrada feita por algum mecanico no passado.

Bom, ele não está com os bicos injetores originais. Os originais dele são os Nippon-Denso cod. 195500-1330 ou 195500-2030 (aparentemente de caracteristicas iguais, só muda a cor. rosa num e amarelo no outro), que são virtualmente impossíveis de se obter por aqui (e pra importar custa a bagatela de 800 reais cada). Os que estão nele acredito que sejam os do Ka 1.0 Rocam (azuis pequenos).

Quando o comprei, há quase 1 ano e meio, notei que em algumas situações o motor grilava, e só tinha pique quando se pressionava pouco o acelerador. Se pisasse no fundo, ele ganhava velocidade mais vagarosamente do que se pisasse de leve.. as vezes quando precisava de uma aceleração mais rápida, tinha que ficar procurando o ponto certo com o pé.

De inicio desconfiei que pudesse ser apenas o ponto adiantado, e de fato estava adiantado: 29º apms, contra 5º que é o indicado pelo fabricante. Com uma pistola de ponto, pus ele no ponto certo girando o distribuidor e... surpresa!! ficou totalmente manco.. em algumas lombas, não subia nem em primeira. Obviamente não se pode esperar muito de um motor 850 de 3 cilindros mas, em condições normais, um carro desses tem desempenho superior ao da maioria dos 1.0 nacionais.

A solução foi tentar achar o ponto no olhometro, e é o ue tenho feito. Mas, o motor nunca fica num estado onde pode-se dizer que esteja funcionando bem. Se deixo o ponto mais adiantado, ele embala rapido, mas perde torque acima de 3000rpm, e grila muito, chegando ao ponto de o desempenho ser maior quando o motor está frio. Se deixo mais atrasado, ele tem mais folego em rotações mais altas, mas demora a ganhar velocidade e fica mais gastador. E, a marcha lenta nunca fica absolutamente estável, especialmente com o ponto adiantado. Da mesma forma, as vezes quando piso no acelerador ele não responde a contento, a não ser que eu fique variando a posição do pedal até achar um ponto onde ele responda melhor, geralmente no inicio do curso.

Esses tempos fiz um teste.. ligar o motor com a sonda lamda desconectada, e estranhamente o motor funcionou da mesma forma, sem nem sequer acender o indicador de de advertencia da injeção (luz amarela).

Há algum tempo atrás, conversei com o pessoal de uma oficina onde a antiga dona desse carro o levava, e tinham me falado algo sobre terem tido que enganar a centralina da injeção para fazê-lo funcionar com aqueles bicos. Desconfio que possam ter feito algum "gato", pois pelo que sei, a centralina deveria indicar defeito no sistema quando fica sem o sinal da sonda lambda.

Quanto aos bicos, estou pensando em tentar trocar por outros, que possam ter uma vazão o mais próximo possível dos originais. Numa tabela achada na net, os originais tem uma vazão de 188cm³, a uma pressão de 3 bar.

Resumindo.. alguém já teve alguma experiencia com o sistema de injeção desse carro, para poder me dar alguma luz?

 
 Respond to this message   
AuthorReply

heleno
(Login helenopinto)
Membro VIP

heleno

January 8 2007, 9:20 PM 

Companheiro Marcelo, nao conheco nada desse seu auto mas se estivesse nesse seu dilema ai consultaria uma oficina especializada em injecao eletronica! Primeiro faria o basico, checagem de pressao da linha de admissao de combustivel, reguladora de pressao,filtro, bomba, etc!
Depois mandava o cara passar um scaner para dar uma geral nessa injecao! Veja bem, uma reducao de desperdicio de combustivel com uma injecao defeituosa e bastante consideravel. Desculpe e desconsidere se vce ja fez isso tudo e nao resolveu! Um abraco, Heleno.

Ps>. Um amigo mutuo sempre fala muito bem de vce, o Vieira (grande praca de Sao Lourenco-sul de minas)la do forum de monitores da freebr!Muito bom te-lo por aqui!

 
 Respond to this message   
Marcelo Zazulak
(no login)

Re: heleno

January 9 2007, 12:03 AM 

Olá companheiro Heleno, obrigado por responder.

Bom, eu já quis levar numa oficina especializada em IE mas, a maioria dos atendentes não transmite muita confiança, algo do tipo "nunca mexi nesse carro, mas pode largar aí". Não sei se aqui no Brasil existe scanner para esse tipo de módulo de injeção (Nippon-Denso, usado predominantemente em carros japoneses), porque todas as oficinas que consultei não possuem scanner para esse modelo. Na verdade, ainda quero dar uma geral nesse motor, assim como no resto do carro, mas a situação atual (desempregado vivendo de bicos, mulher grávida, etc...) não me permite desembolsar muito agora. Por isso estava tentando fazer um pré-diagnóstico eu mesmo.

Quanto ao consumo, não chega a ser um problema, pois ele mantem uma média maior que 15 km/l na cidade (oscila entre 15 e 18 km/l). O que me perturba são as perdas de potencia e instabilidade (ele dá uns trancos as vezes) no funcionamento do motor, além da grilagem, que tenho medo que acabe mandando-o para a retífica antes do tempo.

ps. Ow, faz tempo que não falo com o Vieira. Ele é um dos mestres lá do forum, mas anda meio sumido ultimamente. A ultima vez que tive noticias dele era quando tentei conseguir um integrado para ele, e acabei não podendo por ter saído da empresa nesse meio tempo.

ps2. Não repare se eu demorar para responder. Como estou sem internet, só consigo entrar nos foruns quando vou em alguma lan-house ou na casa de alguem que tenha adsl.

 
 Respond to this message   
Marcelo Zazulak
(no login)

Ressucitando o tópico..

August 13 2007, 3:37 PM 

Parece que agora finalmente a odisséia se aproxima de um fim.

Continuei andando com o carro nesse meio tempo, até que ele foi ficando cada vez pior, e piorou de vez depois de o motor ter sido lavado (mandei lavar para identificar a origem de um vazamento de oleo).

Os sintomas eram tipicos de defeito na bomba de combustível.. só funcionava na lenta, falhava demais na aceleração, não tinha força para subir lomba, etc..

Aí, deixei-o numa oficina, onde me passaram um orçamento para troca de velas, cabos, correia dentada e retentor do virabrequim (ponto do vazamento de oleo), cerca de R$ 630 ao total. Afirmaram que a pressão da linha estava ok. Bom, aí eu lhes disse que, se realmente ele fosse ficar bom, poderiam executar o serviço. Como era de se esperar, trocar cabos e velas não deu em nada. Desfizeram a troca, me entregaram o carro e não cobraram nada.

Aí, decidi dar um jeito nisso eu mesmo. Numa inspeção na tubulação de combustível, encontrei o gato: O retorno de combustível, após o regulador de pressão, havia sido esmagado, para aumentar a pressão, possivelmente por causa da menor vazão dos bicos que estavam nele. Pensei que o regulador de pressão pudesse estar danificado, o que significaria um grande problema.. pois esse regulador é parte integrante da flauta, não sendo possível trocá-lo, só trocando a flauta inteira (ou adaptando um por fora). Mas, felizmente o regulador está ok. O ruim é que possivelmente foi isso que mandou a bomba para o espaço.

Fazendo um teste com o retorno do regulador aberto, indo para uma garrafa, liguei a chave e, praticamente não saia combustível do regulador, o que confirma que a bomba já era.

Tambem havia decidido trocar aqueles bicos, pois descobri que eles tinham vazão de cerca de 60% dos originais. Depois de vários cálculos e consultas em diversas tabelas de vazão, cheguei a conclusão que os bicos mais indicados para ele seriam os Bosch 0280150981 (Tipo 1.6MPI, Uno 1.6R, etc...). Claro, haveria a opção de colocar os originais, mas o preço deles é simplesmente fora da realidade (700 reais cada um, novos, ou 220 cada bico usado). Cheguei a procurar equivalentes na linha Kia (que tem representação no país), mas são mais caros ainda.

Comprei três bicos desses do Tipo num ferro-velho aqui em Poa (R$ 200 os 3, com os conectores). Claro, adaptar esses bicos envolve uma modificação, além dos conectores: O encaixe da flauta do Cuore, assim como de outros asiáticos (Kia, Subaru, Mazda, etc...) é mais estreito. Resolvi isso removendo aquela parte plástica do encaixe de entrada do bico e colocando outros o-rings. Antes disso, levei os bicos numa loja de peças para injeção eletrônica, onde também fazem serviço de limpeza. Pedi para que fossem postos na máquina e a vazão verificada. Além de estarem bons, o atendente me confirmou que eles tem a mesma vazão dos originais do Cuore (ele tinha um original na loja para comparar).

Depois, parti para a bomba. Foi desanimador descobrir que teria que remover o tanque de combustível para ter acesso a ela. Mas, removi o tanque, tirei a bomba e a comparei com as fotos de algumas bombas comuns no mercado. Comparando com o catálogo da Bosch, cheguei a conclusão que a mais indicada seria a do Corsa MPFI, código com final 777. Existiam outras, mas menos comuns. Comprei uma dessas nova, original Bosch (R$ 137, mais barato que recondicionar a antiga), que serviu sem necessitar de adaptação. Apenas reaproveitei o pré-filtro, pois estava perfeito. Montei provisoriamente ela dentro de um recipiente e liguei. Agora saia gasolina abundantemente na saída do regulador, e nada na tomada de vacuo, o que confirma que ele não está furado.

Pus os bicos no lugar e tentei fazer o motor pegar. Só fez uma pequena menção de pegar (um cilindro apenas). Pus um dos bicos velhos ligado no conector e tentei de novo, para confirmar se os bicos estavam sendo acionados, e estavam. Assim como havia faísca nas 3 velas. Tentei ligar com a flauta fora do motor, mas conectada por mangueiras mais longas, para ver se os bicos injetavam.. não consegui porque toda vez que ligava a chave, um deles era cuspido fora, e como não tinha ninguem pra me ajudar segurando-os ou ligando a chave, preferi acreditar que estavam.

Só me restava uma coisa para verificar: As velas. Tirei-as e estavam totalmente pretas, mas secas, sinal de carbonização por excesso de combustível. Agora elas foram escovadas e estão de molho. Hoje no fim do dia pretendo fazer o próximo teste, se me sobrar tempo.

Bom, por enquanto é só.. pretendo postar o resultado aqui assim que puser ele para funcionar.

 
 Respond to this message   

heleno
(Login helenopinto)
Membro VIP

Re: Ressucitando o tópico..

August 18 2007, 3:11 AM 

Caro Marcelo, estou boquiaberto com essa sua obstinacao nessa tarefa ai no seu auto!!!! Estou na torcida para vce ter sucesso com ele!!! Um grande abraco do companheiro Heleno!!!

 
 Respond to this message   
Marcelo Zazulak
(no login)

Re: Ressucitando o tópico..

September 18 2007, 6:03 AM 

Oi Heleno,

é, por um lado foi uma alegria, pelo outro uma tristeza..

O bom é que o motor voltou a funcionar, o ruim, é que ele apaga a todo momento (nem tentei andar com ele assim) e dá tiro pelo coletor quando se tenta acelerar.

Agora a minha desconfiança aponta para a possibilidade de a correia dentada ter pulado um dente quando da lavagem do motor. Pois até então ele ainda tinha um desempenho aceitável. Também atentei para que, depois disso, ele parou de grilar, o que sugere a possibilidade de o ponto ter atrasado bastante (o distribuidor é acionado pelo eixo do comando.. se o comando atrasa, ele atrasa junto). Bom, agora é desmontar a carenagem para chegar até a correia. Vou ver se aproveito e a troco, junto com o retentor. Há algum tempo eu havia removido a carenagem superior, e não vi nenhuma marcação de ponto na polia (a posição do virabrequim é fácil de identificar). Acho que o jeito vai ser adiantar um dente, apertar o esticador novamente e testar (claro, depois de girar um pouco o motor com a mão, para ter certeza que nenhum valvula será "cabeceada").

Bom, depois dessa aprendi uma lição: Lavar motor nunca mais! Se não tivesse lavado, ainda estaria convivendo com a grilagem e o vazamento, mas não estaria a pé, gastando com passagem de onibus mais que o dobro do que gastava com gasolina.

ps. O que o pessoal costuma usar para diluir a formação de borra no motor? O meu aparentemente não tem borra no circuito do oleo mas tem um suspiro meio entupido, aparentemente por descuido de algum antigo proprietário, pois depois que limpei a borra do filtro de ar, não voltou a formar. Já o suspiro, é quase inacessível sem a abertura do motor. Pensei num jato de ar comprimido ou algo assim, no suspiro, e antes da próxima troca de oleo um daqueles produtos recomendados para limpeza do circuito de oleo.

ps2. Outra felicidade, saber que depois de tantas injurias e quase 180000km, o motorzinho não está queimando oleo..

 
 Respond to this message   
Marcelo Zazulak
(no login)

Antes tarde do que nunca...

October 1 2008, 2:02 PM 

Buenas,
depois de cerca de um ano com o carro parado, finalmente acabou o problema. Desisti de mexer nele quando vi que teria que comprar uma chave estrela so para poder trocar a correia dentada, e decidi manda-lo para uma oficina assim que pudesse.
Basicamente a raiz do problema todo era o tanque que estava quase cheio... de agua! Como essa agua foi parar ali, nao se sabe. Ou foi sacanagem do cara que lavou o motor, ou foi em algum abastecimento. Nem eu nem o mecanico conseguimos chegar a uma conclusão sobre a origem de tanta agua (mais de 10 litros, e quase nada de gasolina).
Como era de se esperar, apareceram mais algumas coisas por fazer. O retentor do volante tambem estava estourado, e o do eixo do comando tambem estava meio ruim. No final acabei comprando um jogo de juntas completo, que ja vem com todos os retentores. Tambem foi necessario trocar o rolamento da embreagem e recondicionar o disco. Alem, e claro, de limpar a formaçao de borra e desentupir o suspiro.
Nesse meio tempo, consegui um manual de serviço em alemao. Traduzi algumas partes relevantes do capitulo sobre o sistema de injeçao, como os codigos de defeito informados pelas piscadas da luz da injeçao, partes do esquema e valores de medida dos sensores. Tambem descobri que os bicos originais sao os 195500-2170 (cor entre o laranja e o bege) e tem vazao entre 140 e 152 ml/min a 2,5 bar. A 3 bar, calculei a vazao entre 168 e 182 ml/min. Os bicos que pus tem vazão ligeiramente maior, cerca de 176 a 196 ml/min, conforme as tabelas.
No final, nem foi necessario analizar a injeçao mais a fundo: depois de esvaziar o tanque e colocar um pouco de gasolina nova, o motor já saiu funcionando.
Agora o desempenho ficou bem melhor, assim como o "folego" em alta rotaçao. A grilagem acabou. A lenta nao esta 100% estavel, mas as variaçoes nao sao bruscas como eram antes. O motor nao "embucha" mais nas arrancadas. So nao consegui ver ainda como esta o consumo, mas aparentemente mantem-se mais ou menos como antes...

 
 Respond to this message   
Breno Galamba
(no login)

Cuore 1995

February 2 2009, 6:41 PM 

Tenho um Cuore 95 tb, ele começou a dar uma engasgada e depois só funcionava na lenta e acelerando bem devagar e se pisasse ele golfava e morria. Será que é a bomba do combustível? Vc sabe se existe um cabo de velocímetro que substitua o original? E a suspensão, ele é muito duro e instavel, ouvi falar que a da uno servia, é verdade?

Um abraço

 
 Respond to this message   
Gilson
(no login)

Pressão da linha de combustível...

February 4 2009, 3:04 AM 

Pessoal comprei um cuore e estou com problemas no regulador de pressão, alguem sabe com a pressão da linha de combustível..
Grato

 
 Respond to this message   

Marcelo Zazulak
(Login zazulak)

Re: Pressão da linha de combustível...

February 16 2009, 5:26 AM 

Gilson: Se o regulador está danificado, você tem duas opções. Uma delas é substituir a flauta inteira, pois o regulador é parte integrante dela. Mas, considerando o custo de uma flauta (ouvi falar de valores de 550 a mais de 1000 reais...), aconselho uma adaptação, que funciona assim:

- Corta-se fora o regulador original, e solda-se uma tampa.. pode ser um selo de agua do motor CHT.

- Liga-se a saída da flauta a um regulador externo. Nas minhas pesquisas, cheguei a dois reguladores que podem ser adaptados sem maiores dificuldades: O do Kadett GSI, e o do Tempra. Ambos são conectados apenas por mangueiras. As outras ligações não tem mistério, a saber, a saída do regulador, que vai no retorno para o tanque, e a tomada de vácuo que vai conectada no corpo da borboleta.

Sobre a pressão, ouvi alguns mecânicos afirmarem que é de 3 bar, mas o manual de serviço diz que é de 2,5bar (250kpa).

Se alguém tiver interesse no manual de serviço, é só pedir, que disponibilizo-o para download (ps. está em alemão....)


 
 Respond to this message   
Renato
(no login)

Re: Pressão da linha de combustível...

March 13 2009, 5:42 PM 

alguem sabe me informar sobre se existe alguma semelhança do motor da towner principlamente o sistema de injeçao?!?!?!? estou com problemas com o meu na flauta e nao tenho encontrado

 
 Respond to this message   

Marcelo Zazulak
(Login zazulak)

Re: Pressão da linha de combustível...

March 15 2009, 7:22 PM 

Renato: A injeção da Towner é Bosch e a do Cuore é Denso.. nada a ver uma com a outra.

Mais acima no tópico há uma breve explicação de como resolver o problema do regulador de pressão da flauta.

 
 Respond to this message   
milton junior
(no login)

manual do cuore

June 4 2009, 12:37 AM 

caro colega, vi que vc possui manual do cuore gostaria de saber se vc poderia disponibilizá-lo por e-mail. ficaria muito grato. pois tenho um cuore 95 estou reformando o mesmo, e tudo que preciso é muito complicado de achar sem orientaçao do manual. um abraço. (mjuniorbm@yahoo.com.br)

 
 Respond to this message   
Francisco Cardacci
(no login)

Manual tecnico

July 10 2009, 8:34 PM 

Caro amigo, voce é uma das pessoas que não desiste das coisas, isto é bom, pois com o seu conhecimento tecnico vivido pelas dificuldades deste veículo, que gosto muito, pois é pratico e rapido, até que o Uno Mille.
Sou proprietário de dois, que as minhas filhas usaram por mais de quatro anos, sem muitos problemas.
Somente troquei os aros de rodas por 13 que são as do Fiesta, Escort, a sua furação igual da original, deverá ser aberto o buraco do cubo de roda.
Qualquer duvida que queira consultar ou trocar de ideias, envie para o meu Email.
Desde já grato pela atenção e pelo esforço de resolver possiveis adaptações neste veículo que vou providenciar a medida do possivel, pois estou com problema do retorno de combustivel,
Tel: para contato (11)95864698,86353578

 
 Respond to this message   
Francisco Cardacci
(no login)

Manual tecnico

July 10 2009, 8:37 PM 

Caro amigo, voce é uma das pessoas que não desiste das coisas, isto é bom, pois com o seu conhecimento tecnico vivido pelas dificuldades deste veículo, que gosto muito, pois é pratico e rapido, até que o Uno Mille.
Sou proprietário de dois, que as minhas filhas usaram por mais de quatro anos, sem muitos problemas.
Somente troquei os aros de rodas por 13 que são as do Fiesta, Escort, a sua furação igual da original, deverá ser aberto o buraco do cubo de roda.
Qualquer duvida que queira consultar ou trocar de ideias, envie para o meu Email.
Desde já grato pela atenção e pelo esforço de resolver possiveis adaptações neste veículo que vou providenciar a medida do possivel, pois estou com problema do retorno de combustivel,
Tel: para contato (11)95864698,86353578

 
 Respond to this message   
Carlos
(no login)

download do manual de serviço do cuore

August 4 2009, 10:46 PM 

Prezado colega sofredor, rssss....

tenho um cuore 97 que pegou fogo no motor justamente por causa de tanto mexer na linha de combustível e parte elétrica do motor.
quero recuperar o carrinho porque ele de fato é um grande carro, não é melhor por causa da falta de peças.]]

Será que você poderi enviar para mim cópia deste manual? Ou postar em algum lugar para eu baixar?

Na pior das hipóteses, vou adaptar outro motor no lugar, talvez um de Ka ou fiat mile.

grato por enquanto.

 
 Respond to this message   
Raulino Santos
(no login)

manual de Servicos do CUORE 800 CC,. ano 95.

September 14 2012, 1:15 AM 

caro amigo, gostaria de obter este manual de servicos do cuire ano 95 3 CC, caso possilvel poste no meu email, caso tenha que pagar algum valor por favor fique a vontade para informar o preco.

 
 Respond to this message   
Edward Wasinski
(no login)

CUORE 97

August 7 2009, 1:03 AM 

Amigo, vc poderia disponibilizar o manual do Cuore?
edu_was@yahoo.com.br
alguém sabem onde consigo o filtro de ar deste carro?

 
 Respond to this message   
Ronaldo
(no login)

filtro de ar

May 6 2012, 5:51 AM 

Amigo possuo também um Cuore 97 e resolvi fazer a manutenção do mesmo como; troca de vela, filtro de gasolina ( que foi substituido por um de corsa) e filtro de ar, esse ítem foi o mais difício, porém ao pesquisar com uma certa insistencia encontrei uma loja que só vendia filtro de ar e o proprietário da loja ao ver o veículo disse: " Esse carro é do mister Been" achei graça daquele comentárioi e perguntei se tinha o filtro de ar do mesmo e ele disse que seria impossivel, porém ele encontraria um semelhante, dito e feito, o filtro do C3 da citroen cabe certinho no compartimento, se fosse importar da dahiatsu seria uma fortuna e pagueei apenas R$ 20,00 no filtro do C3. espero que tenha ajudado um abraço.

 
 Respond to this message   
Ricardo Livio
(no login)

manual do cuore

October 13 2010, 7:54 PM 

Bom dia!!! colega tenho um cuore ano 97 e estou tendo problemas com o sensor de temperatura da injeção dele, ocorre que quando ele esté frio da partida normalmente mas quando aquece o motor ele começa a embolar por excesso de combustível, levei-o a um colega que identificou o problema para mim. Ele desconectou a cebolinha e no lugar dela colocou um resistor comum de 1k quando dei partida o motor funcionou normalmente, mas ele me informou que eu teria problemas para dar partida quando o carro estivesse frio. procurei em diversos lugares mas não consegui encontrar este sensor. Gostaria de saber se voce ja teve esse problema e se há algum sensor que substitua-o. e se voce ainda tiver e puder me enviar o manual dele ficarei grato. Ricardo Livio.

 
 Respond to this message   
 
< Previous Page 1 2 3 Next >
  << Mensagem AnteriorVoltar ao Índice  
Find more forums on Network54Create your own forum at Network54
 Copyright © 1999-2018 Network54. All rights reserved.   Terms of Use   Privacy Statement